fbpx

K-beauty: 7 passos do skincare coreano que vale a pena seguir – e outros 3 que não!

Seguir 10 passos de skincare - número de etapas do protocolo coreano - dá aquela impressão de que você realmente está cuidando da pele. Mas será que precisa mesmo dessa trabalheira toda?

No Brasil, o skincare coreano não era muito difundido”, observa a dermatologista Laís Leonor, da clínica Dr. André Braz, no Rio de Janeiro. “A rotina de cuidados era mais voltada para cabelo e maquiagem. Porém, os cuidados faciais ganharam destaque principalmente com as informações de internet, a comunicação facilitada e as opções de produtos com design maravilhoso”, continua ela. Será que precisa mesmo seguir os 10 passos? “O básico é: limpeza facial, hidratação da pele e proteção solar“, diz a médica. Mas se você quiser dar uma incrementadinha, sem exageros, siga as dicas.

Só para relembrar, os 10 passos da rotina K-beauty são:

1. Limpeza com óleo: não fica ❌

A rotina K-beauty prevê a remoção da maquiagem com produtos de limpeza à base de óleo que retiram até mesmo o make de longa duração, inclusive dos olhos. “Por aqui, como o clima é quente e a pele da brasileira tem tendência a ser oleosa, esse passo pode ser substituído perfeitamente pelo uso da água micelar ou de um demaquilante bifásico, que funcionará tão bem quanto e não vai deixar um efeito gorduroso no seu rosto”, diz a dermato.

2. Limpeza com água: fica! ✔

Sim, as coreanas passam por duas etapas de limpeza! A rotina sugere que, após usar um óleo, você limpe o rosto com um produto a base de água. E esse é um passo do qual não dá para abrir mão jamais! A pele precisa estar livre de maquiagem, resíduos de produtos, suor e poluição para que os ativos dos cremes de tratamento façam o efeito esperado.

Veja também: Por que as influencers estão dizendo para você passar 60 segundos lavando o rosto

3. Esfoliação: fica, mas 2 x por semana

“A esfoliação é necessária, mas no máximo duas vezes na semana – e não diariamente, como na K-beauty.” Esse passo elimina as células mortas da camada superficial da pele, além de desobstruir os poros e deixar a pele mais macia, luminosa e uniforme.

4. Tonificação: depende

“Quem tem pele seca pode dispensar essa etapa”, garante Laís. Sua função é reequilibrar o pH da pele. “O tônico, no entanto, é muito útil para quem tem pele mista ou oleosa, já que ele limpa os poros e elimina o excesso de sebo.”

Veja também: Como usar xampu seco

5. Máscara facial: 1 x na semana

Máscara facial é praticamente sinônimo de K-beauty. E, vamos combinar, quem resiste à praticidade de uma sheet mask (a máscara de tecido) ? É aquele momentinho só seu, de indulgência, de relax… Mas também não precisa ser um passo diário. Segundo a dermato, uma vez na semana basta para esse produto com ativos concentrados dar aquele up na pele.

6. Essência: não pegou

Essence ou essência não mais é do que uma loção aquosa com ativos reparadores que preparam a pele para receber a hidratação. Mas se você aplicar o sérum ou hidratante com a pele ainda úmida, não precisa desse passo – e ainda economiza uns dinheiros, né.

7. Sérum de tratamento: BFF da pele

Desse passo não dá para desapegar! O sérum é superleve, tem ativos concentrados, faz efeito (seja ele hidratante, antiage, rejuvenescedor, antioxidante, com vitamina C, seja clareador, por exemplo), sem melecar. Mora no coração das coreanas – e das brasileiras.

Veja também: Os problemas de pele mais frequentes – e como combater cada um deles

8. Tratamento para a área dos olhos: fica!

Esse é outro que não pode faltar. Expressivas que somos, fazemos ruguinhas no rosto todo. E a pele da área dos olhos, mais fininha, é a que mais cedo fica marcada. Capriche na aplicação do produto, com mãos de fada, lógico, e aproveite para escolher um que ainda combata inchaço e olheiras.

Reportagem Karina Hollo

veja também

Fechar Menu